Quando se trabalha com tecnologia, não há muito sentido em querer fazer tudo sozinho. Hoje temos o auxílio de ferramentas virtuais que podem fazer o trabalho de forma otimizada e eliminando a possibilidade de erro humano da equação. Você fica livre para fazer o que faz de melhor e deixa a máquina resolver aquele problema que, muitas vezes, você não gosta de resolver ou, até mesmo, não sabe como. 

Existem inúmeros ditados que querem dizer a mesma coisa: juntos chegamos mais longe. Com isso em mente, quero falar com você sobre a junção de diferentes peças do quebra-cabeça para ter uma visão mais ampla do seu negócio e opções de funcionalidades. 

Estou falando de um agregador chamado Zapier. Ele funciona como uma ponte entre as plataformas, passando informações de um lado para o outro e abrindo, literalmente, um mundo de possibilidades. 

É muito comum a frustração ao contratar uma solução de marketing digital. Isso porque elas costumam ser vendidas como as salvadoras de negócios… No entanto, ao começar a usar, encontramos gaps e poucas funcionalidades. Se, antes, apresentaram a ferramenta como a soluçãofrustrar-se depois é praticamente uma certeza. 

Isso acontece, primeiro, porque gera-se uma expectativa que supera as próprias funcionalidades da ferramenta. 

 

Plataformas são criadas para solucionar apenas 

uma parte da equação dos problemas. 

Ou seja, mesmo que ela agregue dezenas de funcionalidades, vai sempre ter o foco em uma especialidade.  

Aqui entra o amigo Zapier, porque ele vai criar a ponte entre plataformas, cada qual com sua especialidade, criando, assim, a solução completa. 

 

Vamos ver alguns exemplos práticos? 

Pensemos em um consultório médico ou uma consultora, basicamente, qualquer tipo de modelo de negócios que envolva o agendamento de sessão para a qual o cliente/paciente deva estar em algum local – mesmo que virtual – para que ocorra o atendimento.  

Para que um atendimento ocorra, é preciso: 

  1. Ter horário disponível para o atendimento 
  2. Que ambos compareçam à sessão 

O que você pode fazer para otimizar a execução de 1 e 2 

  1. Ter uma agenda que mostre os dias e horas livres para o cliente/paciente. 
  2. Ter os dados do cliente/paciente e do atendente para o envio de lembretes, minimizando a taxa de No Shows. 

Ou seja, preciso contratar uma plataforma que faça esse agendamento, evitando que um ser humano esteja, todos os dias, bloqueando horários. Mas também preciso de uma plataforma de automação para receber os dados de dia e hora e criar lembretes (Bônus: Dependendo das ferramentas, é possível também automatizar o comparecimento/ausência). 

Na imagem abaixo vemos a configuração entre duas plataformas que executam o exemplo proposto acima.

A primeira, Acquity, realiza o agendamento. O cliente/paciente entra no seu site, vê a agenda, marca dia e hora e isso engatilha uma ação prevista no segundo quadro. 

A segunda plataforma, Infusionsoft, recebe o gatilho do agendamento. Ela cria o contato do cliente/paciente (caso ainda não exista), adiciona uma tag de agendamento e preenche os campos de data e hora para que os lembretes possam ser enviados corretamente. 

 

Com o Zapier, você pode ter uma solução completa de automação! Dúvidas entre as conexões que você pode fazer com as plataformas que utiliza? Fale conosco!

 

 

O Autor:
Fábio Hansen – Arquiteto-Chefe de Automação

Formado em cinema pela PUC-RJ, logo mudou o rumo de sua carreira ao iniciar o trabalho na Babel-Team como assistente do Jorge Aldrovandi. A partir de 2011, iniciou sua trajetória na Automação de Marketing & Vendas, certificando-se como Consultor Infusionsoft.

Quero acompanhar as novidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.